sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Samantha, Charlotte e uma onda no mar...

É possível que uma pessoa que acreditava em relacionamentos casuais se converta e vire incrivelmente romântica e apaixonada? É plausível ver uma pessoa que era praticamente Samantha virar a apaixonada Charlotte? Sim, é possível. Aconteceu com uma amiga.

Conheci essa amiga há alguns anos atrás (mais de cinco, acho eu...), pela internet. Vocês vão dar risada e ela vai me matar, mas eu não me lembro exatamente como a gente se conheceu. Orkut? Comunidade? Não sei mesmo. Ela fazia jornalismo, eu era fã da Ana Paula Padrão e de moda e ela era apaixonada pelo Márcio Gomes e amava moda. Apesar da virtualidade, nos tornamos grandes amigas e quando nos conhecemos pessoalmente foi como encontrar uma amiga que não via há anos. Enfim...apenas introdução da história.

Essa minha amiga e eu éramos completamente diferentes no que diz respeito a relacionamentos. Ela era mente aberta, sabia sair e se divertir e a primeira vez dela foi uma ótima história para mim. Acabou que ela era a modernosa e eu a caipira caretona.

PS: Não se ofendam quando eu falo caipira. Eu cresci em Vinhedo e passei parte da infância e toda a minha adolescência lá. Eu me chamo de caipira, sou caipira e tenho orgulho disso. Minha essência é caipira!!

Voltando...essa minha amiga tem histórias ótimas que eu adorava ouvir porque tinha certeza de que elas nunca aconteceriam comigo. Ela conseguia ser uma mulher pra frente, segura de si e tinha os homens aos pés dela. Ela estava a fim de um e conseguia essa pessoa. Ela estava de olho no outro, podia contar que logo mais eles sairiam. E a vida para ela assim era linda. Ela sempre foi para mim, a personificação da Samantha, do Sex and the City. E eu adorava que ela fosse assim. Até que um dia essa minha amiga se transformou em Charlotte.

Samantha virou Charlotte no dia que conheceu o Abel (claro que não é esse o nome dele e a história do apelido eu não vou contar...mas tem o coelho amigo do Pooh, sabem?). Ela se apaixonou perdidamente. Mas a essência de Samantha estava lá ainda, um pouco. O relacionamento deles foi ficando sério e acho que essa minha amiga se assustou. Terminaram depois de um tempo. O término não foi fácil e foi norteado por conversas de “te odeio” e “não olho mais na sua cara”. Esse pensamento durou dois meses.

Hoje eu estava conversando com ela no MSN e ela me contou que o Abel voltou a procura-la e eles saíram dois fins de semana seguidos. Ela diz que tem medo de que ele ache que a Samantha ainda vive. Eu disse a ela que ela precisa dizer que mudou, que o ama e que o quer na vida dela. Ela diz que não tem coragem. Coisas de quem ama...

Fiquei pensando em chances que temos na nossa vida. E acho muito engraçado tudo isso. Por que será que existem pessoas que vão e vem? Por que será que as coisas não dão certo assim, de primeira? O que será que essa minha amiga precisa aprender até que ela e Abel finalmente se acertem?
Penso até na minha história. Por que será que Mr.Right e eu nos conhecemos há seis meses do casamento dele? Por que não estamos juntos se a gente conheceu e se apaixonou? Por que a gente não se conheceu depois que o casamento dele não deu certo? (porque eu já disse que a tendência é essa). Mais ainda...por que será que as pessoas que amamos são como ondas: que vão e vêm?

Isso me lembra aquela música: “Eu posso tentar te esquecer/Mas você sempre será/A onda que me arrasta/Que me leva pro seu mar”

Abel, Mr.Right...que as ondas tragam vocês logo de volta...nós precisamos de vocês...

2 comentários:

Claudia disse...

Oh!! Lindo!! Eu era Samantha e virei Charlotte, my love, é a vida...

Luciana De La Vega disse...

Obrigada pelo comentário lá no meu blog.
Fico feliz que tenha gostado do meu video. Obrigada por linkar meu blog.

Li este post e o anterios. E me fez lembrar da faculdade, das minhas colegas. De nos três juntas no almoço falando sempre deles. E concluimos que são eles, e não nós as mulheres, que são os complicados. deu até saudade e vontade de reuniar a "turma" de novo hehe
Tu escreves muito bem. Adorei teu blog! E já estou seguindo.

http://loiradecorderosa.blogspot.com/