terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Era uma vez... a princesa moderna

Todo mundo tem uma lembrança da infância que marca verdadeiramente. Algumas dessas lembranças viram motivo de terapia, assassinatos em série, estupradores e por aí vai. Outras, no entanto, nos deixam memórias gostosas de se lembrar e compartilhar com filhos e netos. Caso eles existam,claro.

Me lembro claramente de como a minha madrinha me desejava “feliz aniversário” todos os anos. O telefone tocava e eu dizia “alô”. A voz dela, sempre calma e suave começava: Há XX (idade que eu estava completando) anos atrás, nascia uma princesinha que os pais deram o nome de Tatiana. Nossa, como eu adorava ouvir aquele discurso todo...me sentia mesmo uma princesa. Vez ou outra ela falava que um dia eu acharia um príncipe, me casaria com ele e seríamos felizes para sempre, tal qual num conto de fadas.

Hoje eu me lembro com saudade daqueles tempos em que eu realmente acreditava que eu era uma princesa, que meus pais fizeram festa no reino e que um dia eu encontraria um príncipe tipo o da Bela Adormecida. Mas a realidade é bem diferente. Frustrante, diga-se se passagem. A princesa moderna não fica mais no castelo, cantarolando com os passarinhos e cozinhando bolos e tortas. Ela não passa os dias arrumando os cabelos e dançando pelo palácio. A princesa moderna não ganha um sapatinho de cristal da fada madrinha. A princesa moderna não vê seu príncipe encantado chegar em um cavalo branco. Não.

A princesa moderna precisa trabalhar para pagar as contas. Ela precisa entender que só vai ganhar o sapatinho de cristal se ela mesma for até a loja buscar um e, antes disso, ela precisa sonhar que ele não seja um it shoe e esteja esgotado nas lojas. A princesa moderna busca um lugar de igualdade com os homens. E,pior, o príncipe encantado – quando vem e com muita sorte – tem um carro no lugar do cavalo. Na pior das hipóteses seu príncipe vem de ônibus, metrô ou trem. E o príncipe não vem modelo séculoXV. O príncipe moderno não abre a porta do carro, não te elogia a cada cinco minutos e nem te carrega no colo. Não. Ele te pede cerveja, assiste futebol e odeia os bailes.

Romeo não grita na varanda de Julieta. Ele manda um SMS para ela. O mensageiro real não manda convites de casamento da realeza. Ele publica scraps no Facebook. Um pintor da nobreza não faz mais retratos do casamento. Ele tira foto com o Blackberry e posta nas redes sociais. Um autor romântico não escreve um livro clássico sobre o evento. Ele filma e coloca em tempo real no Facebook. Até aí...detalhes.

A tristeza mora em perceber que, hoje em dia, princesas e príncipes não ficam juntos porque quere ser felizes para sempre. Eles ficam juntos porque parecer ser lógico, porque deram a palavra deles, porque engravidaram, porque “antes só do que mal acompanhado” e por mais um monte de motivos que fazem Shakespeare revirar no túmulo como bacon fritando. Acabaram-se os contos de fadas. Vivemos a realidade. Passarinhos não falam com a gente, ratinhos não nos ajudam no trabalho e a Fera quase nunca vira príncipe no final, aliás, a tendência é que vire cada vez mais fera.

Essa semana acordei nostálgica...e desejando que minha madrinha estivesse certa e que eu realmente fosse a Princesa Tati à espera de um príncipe que venha me resgatar....

13 comentários:

Isabela Bonfim disse...

Tatiii, não desanima não. Ainda existem homens que nos fazem sentir como princesas. São poucos e raros, mes existem.Bjoss

Paty Chuchu disse...

Querida Tati,minha chuchuzinha,nao fica assim ta!Vc esqueceu de um detalhe muito importante no relato de conto de fadas:Todas elas,essas princesas , antes de terem um final feliz tiveram que passar por um momento dificil,por ex:

A Cinderela tinha a madrasta que a maltratava e antes dela virar a princesa de luxo lembra do trabalho que ela tinha??Sem contar nas duas meia irmas horrorosas que ela tinha que aturar.

A Branca de neve antes de ser encontrada pelo principe e viver no palacio,lembra que ela fugiu de casa para nao ser morta,e juro que ela deve ter tido muito trabalho cuidando dos sete anoes imgina so´,sete camas pra fazer,sete camisa e sete calcas pra lavar,passar,lavar,cozinhar afff!!

Sem esquecer da Rapunzel que,apesar de linda,viveu por muitos anos isolada na Torre..

Lembra agora querida,existem outras princesas que nao lembro agora,mas todas,tiveram uma certa dificuldade,tiveram que esperar o principe chegar,entao querida os contos de fada,nao sao tao diferente da realidade nao,apenas um detalhe que me faz acreditar que as princesas modernas de hoje,tem um pouquinho mais de sorte:
Hj temos tv,temos barzinho e coqueteis maravilhosos,temos nossos celulares para conversamos com amigas distantes,temos Internete e blogs maravilhosos assim como o seu para nos distrair e tirar a gente o baixo astral, e qdo der vontade de uma roupinha legal temos shopping center,(na hora do aperto crediario em 3 x),hahahaha..Ah e os trabalhos domesticos,ficam um pouquinho mais facil com maquina de lavar louca,roupa,etc e tal.
E um dia qdo vc menos esperar a princesa Tati encontrara o principe encantado e vivera feliz para sempre....beijos Princesa!!

Luh Rodrigues disse...

Concordo com a Isabela, ainda existe sim esse tipo de homem. Raros, mas existem. Eu ainda estou a esperar o meu também ''/

Beiijos

Maria Julia Faria disse...

Adorei esse post, principalmente a parte
"A princesa moderna precisa trabalhar para pagar as contas. Ela precisa entender que só vai ganhar o sapatinho de cristal se ela mesma for até a loja buscar um e, antes disso, ela precisa sonhar que ele não seja um it shoe e esteja esgotado nas lojas."
Vc está muito desanimada, não pode ficar assim não, quanto mais a gente espera um principe, mais longe ele fica! O dia que vc desencanar e sair por ai nem querendo saber de homem ele vai aparecer e no lugar que vc menos esperava encontra-lo, vc vai ver! E eu vou estar aqui pra ler o mini post "encontrei o principe" !!! ok?!?!?

Beijooosss

Oficina Chic disse...

É eu quero achar um assim pra mim..
Bjos, Gabi

Nai disse...

Morri, cara tu é demais!!!!!!!
Que príncipe que nada, é melhor escolher um sapo, porque a maioria dos príncipes ou é gay ou querem todas as princesas ao mesmo tempo e agora,rsss

Beijus

Claudia disse...

:)

analice disse...

Ola, menina!!! obrigada pela visita...

mudando do foto do post...
a doutrina nos resgata, nos traz a vida e as multiplas possibilidades de vence nos a nós mesmos... de buscar nos melhorar, nos fazer ser felizes, de entender as questões da nossa criação, porque vienhemos e para onde vamos.. acredito que isso tudo é formidavel e que nos manter lucidos .... um bom dia a voces meninas!!!

Afrodite disse...

O problema é que hj as princesas pediram a emancipação de igualdade e lamentam o reino perdido!!!
Sobre o post:
não vi motivo pra rir.É sua opinião,e a respeito!
Aprendi depois de mais de trocentos relacionamentos que sexo(tesão0 pode ser separado do amor!
O que sinto por este indivíduo é simplesmente isso:desejo.Nada mais.
Por isso peso os prós e contras em me meter de cabeça numa relação com ele.
O mais importante eu fiz:
contei ao meu marido o que estava acontecendo!
Um casamento não pode se basear em mentiras.E com ele sempre fui franca.mesmo que doesse!
Amanhã passa lá pq vou falar sobre isso!
Não desanime em encontrar o seu príncipe!
Ele tá te esperando!Já te disse,né?
Confie.
Vc vai se surpreender!
Beijo!
Afrodite

Fernanda disse...

Tati, texto otimo! Mas meio deprê, né, convenhamos. Eu prefiro acreditar que os principes de hoje não são la exatamente como os da Bela Adormecida, mas eles existem sim. O seu vai aparecer...
Beijinhos

Dani disse...

Tati,

imagine a princesa dependendo do príncipe para comprar um pacote de absorvente... Afee... não consigo me ver nessa situação.rssss Ainda bem que uma doidas queimaram o sutiã e hj podemos CUIDAR de nossas vidas.

Apesar das mudanças sociais, o carinho ainda é o mesmo. Uns sabem demonstrar e outros não. :o\

Beijo.

Paula disse...

Tati, força na peruca!
Depois de tantos anos com a sua madrinha desejando TANTO que vc encontrasse seu príncipe vc acha mesmo que ele não vai chegar?
Vai sim. Até pq o cosmos te deve isso! hehehehehhe...
Ânimo!
bjs
http://rodasdenotape.blogspot.com/

Flávia Lourenço disse...

Como é bom sonhar. Quem nao queria um principe encando? EU! Gosto do moderno. Existindo amor e cumplicidade pra mim é o que importa. Claro, gosto de romantismo, nao demais. Vamos dar flores, bombons, falar coisas bonitas... Sei la... to meia down hoje. To abatida Tati. Coisas ruins andam acontecendo... Te conto no email e logo seus seguidores saberam tbm...

Bjossss