segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

A volta do bom moço

A Veja da semana passada (mil perdões pelo atraso, mas trabalho me consumiu) tinha uma reportagem sobre a Angélica e o Luciano Huck. A chamada: a volta do bom-mocismo. Confesso que estranhei o fato de que a minha super amiga Taci não pediu que eu comentasse sobre isso...Taci, tá perdoada!

A matéria conta a trajetória individual do casal e faz uma linha do tempo do relacionamento dos dois. Tudo começou com vários canos da Angélica no Huck, uma amizade e o relacionamento, que virou casamento depois de seis meses. Acho que eles são prova de muita teoria que diz que o tempo é o medidor do relacionamento. Sei que seis meses é muito pouco tempo e com certeza eu não me casaria, mas tiro o meu chapéu para o casal.

Luciano Huck é o retrato do novo bom-moço: bem sucedido (e aí eu não falo de dinheiro, falo de trabalhador mesmo), carismático, bom caráter, família (depois de umas ciscadas no galinheiro, é verdade), caseiro e por aí vai. Talvez ele represente o modelo de príncipe encantado moderno. Ele não resgatou a princesa no alto da torre, mas deu a ela um castelo sólido para a construção de uma família feliz. Verdade seja dita, isso é o que todas nós esperamos: um cara que queira construir a tal família "Doriana".

Não é fácil achar um homem hoje em dia que tenha as características do bom-moço. Sempre vai ter um detalhe que estraga: se ele é caseiro, é galinha; se não é galinha, é folgado; quando não é folgado, bebe até cair... sempre tem um detalhezinho que joga o bom-moço para a pilha do descarte.

Por isso, leitoras, se um exemplar desse - um desses que passa pelo controle de qualidade do bom-moço - cair no seu colo, SEGURE-O! A concorrência não está nada fácil...e o mundo é dos esperto!

11 comentários:

Jacqueline disse...

EU adorei o que vc escreveu realmente o bom moço esta difícil encontrar, e sei lá será que se encontramos vai ser fácil segurar??

martinha disse...

Olá Tati tudo bem? Primeiramente acho necessário frisar que não se acha felicidade no outro... e que todo mundo tem defeito, pois de perto ninguém é normal, rss. Digo isto porque temos que valorizar também a figura da "moça de família", olha já vi mulher aprontar cada uma... trabalhei em um caso que a mulher dava remédios aos filhos de 05 e 07 anos, para eles dormirem para ela sair a noite. Então acho que tanto os homens como as mulheres devem dar valor quando encontrarem uma pessoa boa e tentá-lo segurá-lo com a consciência que ninguém é normal e a felicidade está dentro de cada um de nós.

Oficina Chic disse...

Suas palavras foram perfeitas para o casal, ele realmente é o bom moço que todas nós queremos! Sou fã desse casal.
Bjos, Gabi

Camila disse...

Concordo absolutamente. O mundo é dos espertos, rs.
E como nenhum homem é perfeito basta vc achar um que tem aquele defeitinho que vc é capaz de aceitar a vida inteira né?
Um beijão flor

Sizií disse...

O problema é o coração teimoso que insiste em querer aquele que mais trabalho rsr..
abraços

Dany Bello disse...

O meu exemplar eu já segurei há 6 anos rs!! O meu marido é super bom, moço, não tenho o que reclamar. Mas olha, sempre brinco com as minhas amigas solteiras que o principe encantado tem chulé!! Pois é meninas, não existe homens perfeitos, mesmo pq nós mulheres tbm não somos. A perfeição é chata rs!

Analice disse...

ola!!!

é verdade nao estao em qualquer lugar ou nao? sabe, que nem tudo que reluz é ouro... e o bom é isso ....

bjs e boa semana,

Taciana disse...

A Taci viu essa revista ontem, hahahaha!

E eu sou fã deles também, e recomendo um bom moço a todo mundo!

Tati - fica uma dúvida: a Angélica disse que "fugiu" dele porque tinha fama de pegador... Depois se rendeu, e virou esse casal 20. Homem muda? Muda por mulher?

Bjs,

taci

Lari disse...

Na verdade, sinto que os dois se resgataram de passados não muito gloriosos: ele era galinha e baladeiro total, ela tinha aquela história conturbadérrima com o Maurício Mattar, então eu sinto que eles se conheceram no momento certo para os dois, em que ambos estavam maduros para aceitar as carcterísticas do outro e respeitá-las.
Está MUITO difícil achar homem assim, mas como eu sou brasileira e não desisto nunca, sigo na luta. rs
Bjus!

Tati disse...

Eu acho que um se encontrou no outro sabe?depois de mil cabeçadas, Angélica achou uma pessoa que poderia dar a ela tudo o que ela sempre sonhou. Quem eu realmente admiro é Luciano Huck, adoro ele e acho um cara extremamente bom, pelo menos parece.

Um beijooo
Tati

Mabby - Entrelinhas Femininas disse...

Eu acho que tem um protótipo desses batendo na minha porta... acho que vou deixar entrar antes que outra passe pela rua e sequestre ele!!! kkkkkk

Realmente eu gosto muito desse casal: Angelica e Luciano. Acho que eles combinam em tudo. E sinceramente: o Luciano pode não ser aquele padrão de beleza, mas ele representa tudo o que uma mulher quer!