quinta-feira, 7 de abril de 2011

Paixão...

Hoje eu quero falar de paixão. Não só a paixão de relacionamento, mas como um todo: paixão pela vida, pelo trabalho, pela família, por conhecimento. Paixão. Pura e simplesmente.

Andei dando uma lida em blogs, em revistas e mais um monte de outros lugares e dizem que paixão acaba. Dizem que é tudo fogo de palha que, como toda chama, um dia tende a terminar. E aí, como fica? Perde a graça? Deixa se ser bom? Fica chato? Não sei...será que paixão acaba ou só adormece? E se adormece, será que a gente consegue acordá-la?

Digo tudo isso num modo geral. Trabalho, por exemplo. Eu sou apaixonada pelo meu. Acordo feliz sabendo que vou encontrar um dia cheio de trabalho, mas cheio de oportunidades de conquista. Será que AMO o que faço e serei assim por todo o tempo ou será que isso é só paixão inicial que depois passa? E se passar, o que vai restar? Vou continuar trabalhando feliz ou vai ser mais um tormento? Acredito que não. Eu adoro cada dia que tenho no trabalho e vou fazer a chama ficar sempre acesa.

E relacionamentos? Será que a paixão, quando acaba, deixa o relacionamento morno? Se sim, quanto tempo dura esse fogo, essa vontade de ficar junto que não acaba mais? Pensando mais alto ainda... será que esse fogo, essa...paixão são coisas ruins em um relacionamento? Será que quanto mais paixão, menos chance da coisa virar amor e um relacionamento duradouro?

Quero saber de vocês....o que é paixão? Ela acaba? Se acaba, o que vem depois?

9 comentários:

Paulinha disse...

Tati, acho que paixão pode adormecer, hibernar, ter necrolepsia ou morrer de morte súbita! hahahahah... A paixão que vc alimenta cresce e muda, vira amor. ACho que é assim em tudo, não só nos relacionamentos não!!

Monica disse...

ixi eu nunca estive apaixonada muito menos a procura de um marido, mas gostei de ler isso.

beijos to te seguindo =*

ca disse...

Nossa, deve estar faltando homem na cidade porque não é possível que para dar uma aliviada na situação dessa pessoa seja necessário ela buscar um homem casado. Fala sério, tanto homem solteiro por aí... Me pergunto como uma pessoa assim dorme tranquila de noite sabendo que é cúmplice em uma mentira, em um trambique tão ordinário quanto esse.
Acho que é só esperar para que, quando ela quiser um relacionamento de verdade, o homem que ela escolher não faça ela de trouxa também.

Oficina Chic disse...

Amiga, essas perguntas são muito dificeis hehe.. Realmente não sei se a paixão acaba, e o que pode vir depois dela! Isso ainda é meio confuso na minha cabeça e não tenho uma opinião formada.. Até porque acho que cada caso é um caso!
Beijão, Gabi

Fernanda disse...

Tati,
Adorei o comentario da Paulinha! E concordo plenamente.
:-)

Beijinhos
Saudades de vc!

Fér

Gabriela Rosa disse...

Flor, acho q paixão de um modo geral vai ficando morna com o tempo, cabe a nós ficarmos atentos e modificar o ângulo de visão.

Tipo assim, vc ama seu trabalho, mas daqui um tempo pode estar de saco cheio, o q fzr? Parar e lembrar q há um tempo atrás esse era o emprego dos seus sonhos e q vc te duas opções: ou busca algo melhor ou continua onde está e tira esse tolo sentimento de insatisfação de dentro de si.

Ñ acho q ela acaba, e sim adormece...

Bjs

Camila disse...

Concordo com a Gabi!
Cada caso é um caso né?!
No amor vale tudo!
Beijos Mili
www.milipavan.blogspot.com

Monica Tinoco disse...

Acho q a paixão só acaba se vc deixar...ela é igual a uma plantinha, como o amor, tem q ser regada todos os dias...é só colocar a criatividade em prática!!! para tudo!!!

bjokassssss

http://papinhodeloira.blogspot.com/

Aline disse...

Olá Tati!
Tudo bem? Acompanho seu cantinho, mas não sei se já cheguei a comentar aqui! Porém, quis comentar esse post, pois achei oportuno!
Sempre ouvi dizer que paixão termina pq é fogo de palha e que não vira amor! Bem, eu posso até concordar que uma paixão (seja trabalho ou relacionamento), por vir muito avassaladora, pode ser que termine logo. Mas se durar, eu acredito sim, que possa virar um amor... talvez eu seja muito romântica, né?! Mas eu quero acreditar que sim... que possa virar amor!!!
Beijos e ótimo seu blog!