terça-feira, 3 de maio de 2011

Quando acaba...e acaba!

Achei que seria um fim civilizado. Duas pessoas terminando um relacionamento. Ok, eu sei que uma das parte não concordava muito, mas achei que haveria respeito. Mas não. Não foi assim. Teve um "bate boca" virtual desnecessário e com muita lavação de roupa suja que poderia ser evitada. Acontece que eu, com a minha boca grande, falei demais e ouvi demais também.

Sim, estou falando do ex-namorado A., que sempre foi um fofo. Um fofo até que eu terminei com ele. Sei que ele não queria que tivesse sido assim e eu também não. Sei que foi um erro ter começado um namoro sem sentir o tal frio no estômago que - SIM! - eu acho obrigatório. Piorou quando ele leu no blog que fiquei com outra pessoa. Piorou mais quando eu tentei explicar que era um passo natural e falei mais um monte de coisas que eu concordo que poderia ter passado quieta. E aí, o que sobrou? Sobrou o copo, que estava quase cheio para ambos, escorrer...

A conversa não terminou civilizada. Ele mandou que eu vivesse a minha vida medíocre e eu disse que dormiria na pia de tristeza pela colocação dele. E eu não queria que fosse assim. Talvez eu tenha me sentido sufocada demais, mesmo depois do término com ele, consciente ou inconscientemente, me cercando de maneiras que eu nunca pensei que faria. Talvez o fato de eu ter ficado com outro cara o fez ver que não teria mais volta mesmo e aí a coisa ficou feia.

Fato é que, mais uma vez, quando acaba, tem que acabar. As redes sociais deveriam automaticamente abolir todo mundo da rede de contatos. Evitaríamos grandes confusões e mágoas que poderiam ser evitadas....

4 comentários:

Jacqueline disse...

Nossa esse post foi pra mim! E eu já aprendi nada de discutir por redes sociais, temos que aprender! Normalmente a facilidade para agredirmos verbalmente por msn é grande demais, e as pessoas que poderiam guardar lembranças boas sobre a gente guardará uma mágoa eterna. Antes eu brigada, e humilhava a pessoa , claro que ouvia o que não gostava também, e acabavamos inimigos, ou no mínimo indiferentes, e o que vem na minha cabeça é o último momento ruim que passei com aquela pessoa ( mesmo sendo no msn). Agora resolvi que discutir JAMAIS por msn, quando vejo que posso perder a paciência saio logo! E realmente o que acaba, ACABA! Mas é bom mantermos o carinho pela pessoa.

Dani Naza disse...

é, por isso existe aquela música "todo amor parece no começo um mar de rosas.."
Pela net não dá pra conversar mesmo , é terrível.
só piora as coisas

Lari disse...

Não lembro se vc já falou sobre isso aqui (se sim, me perdoe), mas o que vc acha da idéia do filme "Brilho eterno de uma mente sem lembranças" de poder apagar as memórias de uma pessoa da nossa vida?
Eu não concordo pq acho que, por pior que uma pessoa seja, sempre há algo nela que nos modifica, ou para melhor ou para pior e apagar isso das nossas vidas seria deixar de ter essa parte que evoluiu conosco.
Será que, ao deletar alguém das redes sociais, tb não estaríamos fazendo isso?

Bjus e boa sorte de agora em diante!!! rs

Nai disse...

A melhor forma de conhecer a pessoa que nos relacionamos é quando terminamos...
Quando ocorre essa tensão pós, só serve para confirmar que fizemos a melhor escolha e que estávamos certas.
Eu prefiro fugir de conflitos, mais algumas vezes eles são inevitáveis.
Beijão.