quarta-feira, 1 de junho de 2011

Bipolaridade

Não, não descobri que eu sou bipolar. Ou talvez eu seja e não saiba. Brincadeira.

Lembram que um dia eu disse aqui que eu não estava preparada para um namorado, que eu queria curtir a vida e blá blá blá Whiskas Sachet? Bom, era mentira. Eu não sirvo para ser uma pessoa que casualmente se relaciona com outra. Não mesmo. Não sei não mandar SMS, mensagens, e-mails ou qualquer coisa que possa significar "estou lembrando de você agora". E aí que isso é proibido em um relacionamento casual. Me diz, como é que você não vai se envolver se você manda SMS pra pessoa? Não dá.

E aí que chegou o frio e com ele vem a vontade de ter alguém que você possa simplesmente assistir a um DVD no sofá da sua casa. Ou passear no shopping. Ou qualquer outra coisa que não seja um barzinho com final já pré-definido. Tá, isso pode ser legal de vez em quando, mas não é para mim. Eu tentei. Eu bem que tentei. Tentei e não consegui.

E por isso que resolvi desencanar e entregar para Cristo, como dizem por aí. Não vou mais procurar ninguém. Não vou correr atrás de situações que possam ser bacanas. Vou simplesmente deixar fluir. E nessa programei que vou com uma amiga em uma festa no dia 11 de junho. Quer coisa mais legal do que ficar com uma amiga que você não vê há muito tempo e está igualmente solteira? Vamos curtir juntas a nossa liberdade.

Bipolar? Talvez...mas antes bipolar a trair os meus valores...

Um comentário:

Nai disse...

Dica, apenas responda os SMS, e não na mesma hora, controla a ansiedade,rs

E festa dos não namorados é a melhor coisa a se fazer com a amiga, eu ainda sairia caçando outras e dançaríamos até o cabelo vencer.... no meu caso enrolar igual ao Reginaldo Rossi.

Passei um ano assim, me diverti muito e provamos todas as caipirinhas do cardápio!

Beijinhus
Nai