segunda-feira, 25 de julho de 2011

Joga fora no lixo...

Impossível não falar, apesar do bombardeio da mídia, da morte da Amy Winehouse. Já viraram e reviraram o baú de ataques histéricos, fotos com drogas, surtos no meio da rua e tudo mais. Exploraram o fato de entrar mais uma personalidade genial para o Hall de Talentos mortos precocemente e, com certeza, que tirou a vida.

Eu não vou ficar divagando sobre tudo o que já foi publicado por aí, nem fazer um discurso sobre drogas. O que eu acho absurdo e não consigo parar de pensar é o que faz uma pessoa tão jovem se destruir tanto. Todo mundo (ou grande parte) almeja a fama e a fortuna...quem consegue não lida bem com isso e pode correr o risco de acabar assim, morta.

Amy representa o protótipo da pessoa que não sabe lidar com ela mesma, nem com os outros, nem com a fama, nem com as frustrações da vida. Amy, posso estar errada, não foi preparada para entrar para o mundo das celebridades e fofocas. Amy talvez até tenha sido preparada, mas não teve cabeça para lidar com um mundo onde tudo é fácil: sexo, drogas, bebida, dinheiro.

Não saberemos nunca, fora o que a necrópsia provará, as causas da morte de Amy. Jamais saberemos os reais motivos de ter começado a morrer logo que começou a fazer fama mundial. Amy não se matou no sábado. Amy se matou aos poucos. A cada gole, a cada "cheirada", a cada noitada...Amy se matou em parcelas. E no dia do golpe final, dormiu. E não acordou mais.

Nessas horas vejo como tanta gente que vê a vida como se fosse lixo. E acaba, cedo ou não tão tarde, jogando ela no lixo...

4 comentários:

Wan disse...

Verdade Taty. São os "mistérios" da alma humana... a gente nunca vai entender tanta coisa.

No caso da Amy só nos resta lamentar... a precocidade da morte de uma talentosa mulher.

Beijoooo

Gabi Rosa disse...

Jogando a vida e se jogando no lixo!

Bjs Gabi

gabirosaflor.blogspot.com

Helena Pavan Guimarães disse...

Jogando tudo no lixo...a vida a juventude...
Beijoooo
Helena

Nai disse...

Sim é uma pena!
A pessoa alcança tudo que sempre sonhou e faz o caminho inverso.
Beijinhos
Nai